sábado, 24 de outubro de 2015

Totalmente perdido...


Olá, sinto me totalmente perdido e desorientado...
Como sabem abandonei a universidade este ano, não me arrependo, sei que o melhor é  tratar de mim antes de retomar. Vejo fotos dos meus amigos por lá, as saídas, os festejos, ... e embora esteja consciente da minha escolha penso "se eu tivesse la". Estão a começar as frequências para eles, vejo que eles estão atarefadissimos para estudar e também penso "Se eu tivesse continuado, será que conseguia"... sinto me inseguro de mim próprio, embora sempre tenha acreditado nas minhas capacidades, para o ano tenho de retomar os estudos e tenho medo de não conseguir, nunca gostei de estudar, mas neste nosso país sei que não tenho hipóteses de viver uma vida estável sem estudar. Agora vou trabalhar até ao próximo ano letivo, já me avisaram que provavelmente ao ver-me a ganhar dinheiro não vou querer voltar a estudar, principalmente porque tenho medo do fracasso... tenho que tratar estes meus problemas...
Mas cá para mim não são estas questões que me deixam assim tão mal... ando mal sentimentalmente e emocionalmente. Nunca tive muita sorte amorosamente, sinto-me abandonado, tudo me corre mal... não me tenho sentido apaixonado, faz me falta ter aquela pessoa para deslumbrar e pensar, e principalmente preciso de ser correspondido. Ando numa fase que olho para algumas raparigas, penso nelas, mas efetivamente não sinto amor, não sei o que se passa :( Chego a pensar na vida com elas, mas sei la, estou confuso, penso numa e depois noutra... acho que estou a desesperar e desejo uma namorada a todo o custo, pareço obsessivo!
Gostava de falar com alguém que me ajudasse, alguém que me chamasse à razão... até tava a pensar aqui para mim, ter alguem para mandar um sms ou assim de vez em quando, a pessoa para quem mandava sms a toda a hora ultimamente anda de poucas palavras... algum para ajudar?

3 comentários:

  1. Quando tu dizes "sei que o melhor é tratar de mim para depois retomar" referes-te a alguma doença? O que se passa em concreto? (óbvio que só dizes se quiseres!)
    Olha já somos dois com pouca sorte no amor. Não tenho grande sorte, mas também não me preocupo muito com isso, as coisas acontecem quando tem de acontecer. Se neste momento nenhuma rapariga se interessa por ti tens de ser paciente, o amor à de chegar.
    Eu tento focar-me noutras coisas, apoio-me nos meus amigos que sei que me fazem feliz, devias fazer o mesmo ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não diria que é uma doença, eu tenho alguns problemas de ansiedade, não consegui ficar na faculdade, nao me sentia bem nem la, nem na praxe, nem na casa, ... dava me quase ataques de ansiedade.
      Eu dou muito valor às relaçoes afetivas, não sei porque, mas é uma das minhas ânsias :S

      Eliminar
    2. Já pensas-te em consultar um psicólogo? Era bom puderes abrir-te com alguém...

      Eliminar