sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Caminho da felicidade...


Como é difícil chegar à felicidade. pensamos estar no caminho certo e de repente... PUMBA... voltamos "à cepa torta"!
Às vezes da vontade de desistir, mas não se consegue... o amor é complicado! É como os vícios, ou pior... Por exemplo, o tabaco(não por experiência própria, não sei bem do que estou a falar) é um vicio por algo físico que com força de vontade até se deve largar, quando mais não seja evitando comprar(não deve ser bem assim mas vocês percebem a ideia)... Agora o amor é algo abstrato, não é algo que simplesmente se fuja e pronto, por mais que nos queiramos afastar ou fugir daquela pessoa não conseguimos, ainda pensamos mais nela. Eu as vezes penso: Sou um chato, se a continuo a chatear é que ela se farta mesmo de mim, vou tentar não falar com ela todos os dias... mas quando mais penso nisso mais tenho vontade de falar :/ e depois voltamos à historia, estou a pensar que vou conseguir ser feliz e daqui a nada CATRAPUM cá estou eu no blog com historias tristes para vos massacrar ....

3 comentários:

  1. Não massacras coisa nenhuma. Desabafas. Faz bem. O blogue serve para o que tu quiseres e se te sentes bem a desabafar connosco, deves fazê-lo sempre que precisares.
    Percebo bem do que falas. Por muito que nos queiramos desligar da pessoa de quem gostamos, é muito difícil porque é demasiado importante para nós.
    Tenho a certeza que não és chato nenhum. Falo por experiência própria, nós raparigas adoramos atenção, por isso é sempre bom que os rapazes demonstrem interesse!

    ResponderEliminar
  2. O blog serve para isso mesmo, para desabafar sempre que assim o desejares. E não és chato nenhum, tens que tirar essa auto-definição de ti próprio!

    ResponderEliminar
  3. r: Sim, claro. Tens razão, mas estava a referir-me às campanhas de solidariedade que nunca são feitas sem ser nesta época, parece que só são necessárias nesta altura.
    Realmente tens razão, só faltam 11 meses ahah. Mas temos de ter em atenção que a luz vai aumentar, e se não desmontar-mos a árvore chegamos a dezembro com a luz cortada ahah

    ResponderEliminar